17 março 2014

/

A entrega na segunda gestação

17 comentários:

  1. Daniiii já vejo leite em seus seios!! mais ó não é que eu seja uma loka em peitos, é só porque tá visível os peitões!!

    Foi tudo isso que eu também senti na minha segunda gestação, Eu simplesmente me exclui do mundo. Não tinha paciência pra pitacos, estava buscando o máximo de conexão o possivel com a bebéia2 e estava tentando ao máximo preparar a casa pra chegada da Mariah. Preparei a ELisa o máximo que pude. Ensinei ela tomar banho sozinha, comer algumas colheradas sozinhas, se vestir e procurei deixar tudo prático pra ela e pra mim. Escondi alguns brinquedos pequenos, foquei mais nos livros e quebra-cabeça (pois podiamos brincar juntas e deitadas!!!!) e olha foi muito importante esse preparo, ela já sentia ali que as coisas realmente estavam mudando, como de fato mudaram!!

    ai to aqui lembrando do dia em que tive alta da maternidade... foram ela e o marido me buscar e, eu olhava para as duas dentro do carro e chorava de soluçar. é amor que não cabe no peito. hahahahahahah

    beijo grandee e como vc mesmo disse, com o passar dos dias as coisas vão se ajeitando e se encaixando, segundo filho tras essa leveza na vida da gente!!



    ResponderExcluir
  2. ahhh por aqui foi a mesma coisa... fiz um diário pro meu primeiro...nossa foi quase um caderno inteiro...fora isso comprei aqueles albuns da anne gedes "meus primeiros 5 anos" e mais uma porrada de coisa... pra segunda??? comprei um caderno depois de muita insistência da minha irmã (que é mais nova e fala que sofre mto por ter tantas lembranças do meu nascimento e crescimento e ela mal ter um album de primeiro ano...rs) quando dei por mim, só tinha 2 paginas de caderno escrito e a bebezinha ja pulava no colo. E tudooooo é assim... lembro que meu primeiro parecia demorar "anos" pra eu tirar a foto mensal, agora quando percebo: - Deusss... era semana passada. Bjus na barriga e na filhota

    www.mamybrasil.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Que grávida mais linda e em forma e fashion!! AMEI!! Entendo perfeitamente sua despreocupação...vc já sabe como é, por mais diferente que seja! E tem um coração pulsando do lado de fora que ainda requer muita atenção, daí vc não estar cheia de mimimi com a gravidez, o que não quer dizer falta de amor, claro!!!! Siga em frente!! Vai dar tudo certo e Laura vai ganhar uma irmã linda como ela!! A fôrma é boa!!! Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  4. Dani, dani!

    E quando tudo isso (a parte de não estar tãoo entregue a gestação) acontece na primeira vez? Eu to super relaxada com tudo. Não sinto vontade nem de escrever no blog. Tenho preguiça de pesquisar coisas. Vejo alguma amigas só pesquisando roupas, acessórios, planejando quartinho...e eu aqui, só pensando na morte da bezerra hahaha

    Mas me sinto super conectada com o bebê, sentir ele mexer é a maior emoção. Sentir ele me chutando quando ouve a voz do pai, me deixa boba.
    Mas to me sentindo uma menas mãe de não ter feito nem lista de enxoval, nem tirado fotos semanais. Que locuura!

    E não te cobre tanto pelas coisas que "deixa" de fazer pela Laura. Tu faz tanto por ela, tu vive por ela e ela sabe disso! Todo teu tempo é dedicado a ela, mesmo que seja em pensamento e se cobrar é tão ruim.
    Mas eu entendo, a culpa materna é algo que bate na gente e se instala, quer ficar pra sempre. Temos que aprender a conviver com ela.

    Um beijo nessas três coisas lindas!

    ResponderExcluir
  5. Ai, Dani, puxa, me revi em muitas frases suas! A segunda gravidez traz a gente para outro foco! E vc buscando um parto humanizado então! Verá como sairás da caixa e muitos aspectos da vida e da sua vivência com a Laura! Super entendo esse sentimento de dever alguma coisa para ela, senti isso com a Ísis em muitas coisas (amamentação e parto são duas delas), mas vc conseguirá passar por isso e rever muitas decisões anteriores com a Beatriz. Isso vai acalmar seu coração. E vc será uma mãe muito melhor para a Laura pq vc terá a Beatriz, e vc será uma mãe muito melhor para a Beatriz, porque a Laura veio primeiro! É um caminho lindo, vai com fé! Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Ohhhhhhhh chuchu, que coisa mais linda voce assim tão voce, tão sincera em cada linha, cada palavra. Quase posso ouvir sua vozinha falando tudo isso aí em cima. A Laura só tem 3 anos, acho que é super normal voce se sentir assim em relação a ela, em relação às necessidades dela, e acabar não sentindo essa entrega total pra Segundinha. Aos poucos tudo se ajusta porque voce é uma mãezona, a melhor que voce pode ser. Beijos nas 3 !

    ResponderExcluir
  7. Sabe, ainda só tive a primeira gestação e me pego pensando muito na segunda. Muito mesmo.
    E não posso prever o que vou ou não fazer igual à gravidez da Nina. Claro que cada gravidez é uma gravidez. E eu acho que a primeira sempre vai ter grandes surpresas que a segunda não tem, afinal já passamos por aquilo uma vez. Então já sabemos o roteiro.
    Mas fico me perguntando infinitas vezes e me respondendo ao mesmo tempo: Vou fazer os mesmos dvds? as mesmas sessões de fotos? o mesmo cuidado? e eu me respondo, pelo menos o que eu gostaria que fosse: eu farei. Porque não acho justo a Nina ter imagens dela guardadas e o (a) Segundinho (a) não. Imagine no futuro, bem distante, elas olhando as fotos, olhando os dvds na barriga da mamãe aqui... e uma ter e a outra não. Sei lá, é algo que preocupo. Talvez elas nem olhem. Mas a minha parte eu fiz... rsrsrs.
    E como eu não sei se conseguirei engravidar novamente, devido aos meus problemas para engravidar, para mim, a segunda gravidez será como uma primeira. Algo que quis e consegui.
    Mas são visões diferentes, situações diferentes e com certeza, só no momento em que eu estiver grávida, é que vou saber se farei ou não tudo isso. Por enquanto é só um desejo. A prova mesmos erá na hora, nos 9 meses. Então, temos que aguardar.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  8. Toda Grávida fica com um brilho imenso e você está assim Dani,tudo vai da certo e a Laura vai amar ter uma companheirinha.. Beijinhos !

    ResponderExcluir
  9. Ah, sim, esqueci de comentar, mas acho que nem precisa: está linda, radiante, feminina! Muito linda, Dani!
    A gestação realmente nos deixa iluminadas... mas do que somos... hehehe

    ResponderExcluir
  10. Exatamente assim por aqui tb .... bju de barriga para barriga

    ResponderExcluir
  11. Fiquei um tempo sem ler, pois estava de mudança, e essa surpresa: segunda!!!
    Estou aqui lendo e chorando!!!! Esperando que minha segundinha se apresente e ela não vem...Você consegue escrever muito bem o que as mães sentem, coisas só da nossa loucura e hormônios. Sinto que ainda devo coisas pra minha primeira, mas quero a segunda pra elas se amarem, e parece que aí estou completa.
    Dani Rabelo, parabéns por esse gás todo e continue traduzindo todas as pirações desse universo feminino.

    ResponderExcluir
  12. Dani, minha querida... Acho que toda mãe de segunda viagem sente-se da mesma forma que vc. Eu sinto-me devedora com a Laura e com a Heloisa. Coisa de louco.. Enquanto a Laura eu acompanhei o processo de crescimento bem de perto, com a Heloisa eu não participei de quase nada, mas ao mesmo tempo eu não consigo mais fazer as coisas somente com a Laura depois que a pequena nasceu. Então a culpa me ronda dos dois lados. Ah como eu gostaria de não carregar essa culpa comigo, mas é impossível... Está intrinsecamente ligada ao maternar... rsrsrsrsrsrsrs
    Agora vou confessar que comparei tudo sim... E comparo até hoje (me julguem..rsrsrsrs)
    Quanto a curtir, eu curti as duas iguais... Aliás adoro esse "estágio" de gravidez. Se pudesse ficaria grávida sempre, mas não dá... rsrsrsrsrs
    Acho ótimo esse amadurecimento em doses homeopáticas assim não existe ansiedade e expectativa excessiva.
    Beijos em vcs e está lindona!!! ;)

    ResponderExcluir
  13. Quando a minha segunda vez chegar, acho que vou viver tudo bem diferente. Principalmente porque eu me estressei demais na primeira gestação e deixei de curtir coisas por total falta de maturidade.
    Eu PRECISO vivenciar uma gestação completa e psicologicamente tranquila.
    O desespero pelo consumo não deve existir. Os medos em excesso também não.
    Deixa eu parar de falar porque eu estou doooida pra isso! E agora, definitivamente, não é a hora!

    Beijocas

    ResponderExcluir
  14. Dani fico imaginando como será uma segunda gestação deve ser uma delícia, cheia de conflitos, com mas maturidade, bom mais isso vou ficar curtindo através da gravidez das amigas, pois minha cota de filho já está ótima (risos).

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Dani,

    Leio seu blog há tanto tempo que nem sei dizer. Sentei uma época e li desde o comecinho. Entrei numa fase em que tentei me desligar do mundo materno e, desatualizei. Agora comecei a escrever e me sinto mais à vontade para comentar...e sempre te vejo nos blogs por onde passo. Até que resolvi vir me atualizar e me deparei com essa notícia boa da Segundinha! Estou feliz de acompanhar novamente seus passos (mesmo que seja lendo) e da luta pela VBAC. Desejante marinheira de primeira viagem que sou, não consigo abrir mão de pensar na cesárea ainda, mesmo tão bem informada (até pq, onde moro, 'parto humanizado' só está chegando aqui via internet por enquanto mesmo, duvido que exista uma doula nessa cidade, mas ainda procurarei saber). E também não sei ainda como escapar da blogosfera materna sem levar uma pedrada na testa por isso, hahahahahaah. Seus posts da época dela me confortam muito, mesmo que hoje haja uma mudança, a busca pela humanização - que eu não acho de forma alguma errada, pelo contrário, admiro muito!

    Enfim, passo pra dizer que estou acompanhando seus passos e que, você está muito linda. Beijo grande.

    ResponderExcluir
  16. Em primeiríssimo lugar, como vc está linda!

    Nossa, que post lindo! Vc realmente se entregou!
    Me vi muito nele, especialmente a parte de se estar negativa com o filho. Me sinto igual, e procuro não pensar nisso. Mas, como vc bem frisou, vamos aprendendo em doses homeopáticas...

    Quanto à segunda gravidez, te entendo perfeitamente! Na primira gestação, perdemos o sono enquanto não escolhemos as cores do quarto do bb ou se a encomenda dos nichos não chega "a tempo"... Depois que toda a euforia passa, nos perguntamos pra quê todo esse desgaste e toda essa preocupação...
    Não terei um segundo filho (só se as circunstâncias mudarem meus planos), mas se tiver, lerei novamente esse post e farei dele minha inspiração diária.
    Quem dera ter lido-o na primeira gestação...

    Beijos.

    Mãe & Mel

    lilica-embuscadeumsonho.blogspot.com

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para viajar no comentário! =)
Ele será respondido por aqui mesmo, ok?

Beijas!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 


up