13 fevereiro 2014

/

Horrible Three

22 comentários:

  1. Ai Dani, eu sei que é triste, mas eu não guento de rir!
    Gente, aqui tá quase igual, a diferença é que a Nina tem metade da idade da Laurinha. Mas a Nina que tá passando pelo "pobrema" na fase certa, né?!?!
    Já tinha lido sobre isso.
    Nina é boazinha. Mas já foi mais. Está cheia de personalidade, vontades... há umas 3 semanas, levá-la ao mercado está quase impossível.
    Dani, ela não quer mais ficar no carrinho (como a foto da Laura), e quando quer, EU tenho que empurrar. Nãos erve o pai dela. E quando ela não quer mais ficar no carrinho, EU tenho que pegar no colo. Não serve o pai dela.
    Me sinto até mal.
    Mas, no medo de ela fazer um escândalo, eu pego, eu empurro o carrinho. Porque lavar roupa suja em público definitivamente não é comigo. Marido fica p... e diz que é pra eixar chorar. Mas não consigo. Jesuss.... Será que estou piorando a situação? Será que esse terrible two vai passar e tudo oltará ao normal de antes?!?!
    Estou lendo um livro. Detesto indicar literatura, porque isso é de cada um mesmo, mas eu acho que está me ajudando. Estou entendendo um pouco o que acontece na cabecinha deles e como (tentar) agir em certos momentos. Têm partes que não gosto muito, mas outras dá pra absorver... O nome do livro é Limites sem traumas.
    Vamos ver no que dá... essas meninas são umas ferinhas!!! tão bonitinhas, mas realmente, mordem! kkkk
    Bjo!

    ResponderExcluir
  2. Hahaha pois eu tenho em casa o exemplar masculino, só que 1 ano e 10 meses. Mesma coisa, tudo igualzinho, menos o banho que por enquanto gosta, mas berra pra sair, mesmo já estando todo enrugado. Falo pro marido que o Felipe tá na adolescência dos bebês, hahaha, não é bebezinho, nem criancinha, então fica nessa crise existencial.


    Gostei da ideia do homem do saco, hohoho

    Será que essa fase passa ou vai evoluir para o horrible three?

    Pelo menos vc não está sozinha nesse universo, hahaha ai ai

    ResponderExcluir
  3. Guria, mesma coisa aqui. Tenho até um texto com a Ísis falando mais ou menos a mesma coisa. Aqui os 3 para 4 anos foram terríveis...mas agora, nos quase 5, nossa, com está bem melhor! Então só posso te dizer: siga cada dia melhor, reerga apos cada queda. Vai passar! Né? Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Dani,

    Amei a foto da Laura! E já tremo na base só de pensar nessa fase!

    Vamos repetir o mantra de que tudo passa, ou a gente pira!

    Tô indo postar agora sobre o meu já sabido drama com a comida da Manu. E minha total sensação de incompetência!

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Dani, sei que o negócio é tragico mas agora tô com medo... Eu que achei qur o terrible two já estava perdendo (um pouquinho) a força por aqui, agora vc me fala de horrible three???!!!!!! Socorrooooooo Não sei se aguento!! Pra nao te deixar sozinha nessa, saiba que por aqui rola direto vestido de passear com chinelinha havaiana, shortinho com botina de ir pra roça...isso sem contar que mesmo tendo 900 modelos de tiaras, usam sempre a que menos combina com a roupa e ai de mim se disser que tá feio!! Sao fases, a gente acha que esta numa dificil e vem outra pior!!rs bjos. ALINE

    ResponderExcluir
  6. Ah!!! Esqueci de falar do homem do saco... Nem lembrei desse mas bruxa e monstro com cachorro (elas morrem de medo) falo direto...já me culpei demais por fazer esse tipo de medo nelas mas na hora do desespero, tipo cada uma correndo para um lado e eu sem saber o que fazer...vixe, invoco qualquer coisa!!!

    ResponderExcluir
  7. hahahahahaha
    Um amorzinho pena que morde de vez em quando ! hahahahaha
    Adorei !
    Quem nunca colocou um terrorzinho ! Claro que já....essa cena que Laura faz pra tomar banho, de vez em quando Mateus faz também. Já entrei com ele no box aos berros, chutes, etc. Tento como voce sempre fala, ouvi-lo, abraça-lo, esperar se acalmar. Mas quando não funciona, rola uns berros também. Mas passa né? Diz que passa pelamor !!!!

    ResponderExcluir
  8. Saudades..Ainda hj liguei para homeopata pq as crises de irritabilidade e choro da Maria Alice estão acima de todos os limites, então terrible tree a gente tb vê por aqui. A propósito sei que andei sumida, precisava desse tempo. Somente ontem voltei a bisbilhotar esse universo de blogs maternais. Ver a pequena beijando sua barriga, e ver vc gestando novamente, fiquei feliz demais. Por vc decidir encarar tudo, consciente, plena e confiante. Parabéns a família toda, e bjocas na Laura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Paula, que saudade!!!! Como estão os meninos??? Pelo jeito, a MENINA anda dando algum trabalho, hein??? Será que elas são mais impacientes do que eles??

      Obrigada pelo carinho sempre, minha querida.

      Volte sim, volte com tudo.

      Beijos grandes!!

      Excluir
  9. Ri litrosss da foto da Laura!!!!! Dani, por aqui tá puuunk desde que voltamos das férias, tanto que ainda nem consegui escrever sobre isso porque nem sei por onde começar...acho que Dan ficou revoltado de não poder mais ter pai e mãe 24h para ele, além disso, escola nova...nem no quarto dele tem dormido mais e escândalo é o que não falta!! Estamos juntas, mais uma vez e espero que a gente vença!! HAHAHAHAHAHAHAHA
    Abraço de urso pra nós, por favor!!

    ResponderExcluir
  10. Eu encaro (ou tento encarar) os chiliques da Alice com naturalidade. Ela esta com 2a2m e tem ataques principalmente quando está com sono, fome, entediada. Ontem chorou e se jogou no chão pq queria continuar dançando com a vovó, e tínhamos que ir embora para terminar o protocolo do dia. Enquanto ela dava o seu "show", fui pegando as coisas e levando pra porta de saída. Depois voltei e disse que tinha uma coisa muito legal lá fora (nem tinha nada, mas inventei que tinha um bicho). Ela levantou na hora e chegando lá já tinha esquisito da dança. Sabe, penso que a gente, como mãe e gente adulta, temos que ter muito jogo de cintura para lidar com esta fase bipolar deles. Não é exclusividade nem da minha nem da sua filha, então a maioria vai passar por isso mesmo, né?! Oremos para que tudo passe sem maiores danos para ambos os lados! rsrs! Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Dani, morri de rir! Igualzinho aqui em casa! A diferença é que já estamos nessa fase há mais tempo, desde os dois anos (santa paciência).
    Sabe o que eu fiz certa vez? Filmei Catarina chorando durante o banho e depois mostrei para ela! Juro que ela parou de fazer escândalo durante uns tempos, porque viu que era ridículo! Depois voltou, claro, rsrsrs.

    Mudando de pato para ganso, vi que você comentou lá no blog sobre o Beach Park. Não curtiu muito, né? Seria minha próxima opção. Você acha que não vale a pena?

    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. PORRA CARA. dá cá um abraço forte e apertado.
    Lucas tá impossíveO de aturar. Nao sei mais nem é terrible ou horrible ou unbearable. Chora pra tudo, dá escândalos, grita, chuta, morde, cospe, bate. Uma COISA. Aqui é o contrário: eu sou linha dura, o pai é molenga.

    Nao sei o que fazer e vou apenas acompanhar os comentários pra me inspirar!

    ResponderExcluir
  13. Olha só http://www.literatus.edu.br/sitenovo/infantil/detalhar/pagina/1944

    ResponderExcluir
  14. hahahaha.. Quase morri de rir do homem do saco... hahahaha.. Não costumo passar medo na Laura, mas tudo é válido... rsrsrs
    Dani vc reparou quando disse que ela é mais "alterada" com vc que cede mais que com o pai que cede menos?? Talvez aí esteja a resposta. Lá em casa eu perco as estribeiras e grito... ERRO, quando vejo que não tem jeito mais apelo... sei que é péssimo, mas não tem jeito. Lá em casa birrenta é a Heloisa. A Laura não é de fazer escândalos, mas CHORA.. E CHORA MUUUUITOOOOOO, por qualquer coisa.. Mas banho ela adora... rsrsrsrs
    Acho que não tem certo nem errado não... A gente vai pelo coração.. Mas pode se preparar (ou não), mas com a chegada do bebê tudo pode piorar... A Laura ficou muito ciumenta, mas muito carinhosa. O maior problema, eu acho, é quando as duas me solicitam ao mesmo tempo... Fico perdida e pedindo a Deus mais dois braços... rsrsrs
    Vai dar tudo certo... É fase.. Também espero que seja... hehehe
    Boa sorte pra nós...
    Ah.. peguei a Laura no colo até no dia da Heloisa nascer... ;)

    Beijocas no coração!!!

    ResponderExcluir
  15. Haha é uma sapequete' mesmo!
    Amada parabéns pela segunda gestação viu!! Bem vindaaaa ao mundo
    das barrigas de segunda viajem rs

    beijocas

    ResponderExcluir
  16. Dani, toca aqui que tamo junta o/\o
    Meu querido filho está nós terrible reis e minha vida tá desse jeitinho que vc descreveu no post. E eu paro e penso aonde isso vai dar g-zuis?
    É a louca aqui.
    Mas respira, na hora td passa.
    Beijos

    http://querouboumeucoracao.blogspot.com.br/2014/02/a-dificuldade-de-virar-mae.html

    ResponderExcluir
  17. Daniiiiii!!!!! Que saudades de vcs! Nossa!!!!
    Gostei tto de vir aqui hoje e ler tantas novidades! Espero que vc não esteja chateada comigo por nunca termos falado da festa de bailarina, mas é que eu fiquei longe do blog mesmo e agora, há poucos dias, li os comentários atrasados... Sorry!

    Mas afinal, nem precisávamos conversar né, a festa de bailarina da Laura foi o máximo! Eu vi o post e achei mega linda!!!! Parabéns mais uma vez!

    E parabéns pelo baby que está vindo!!! Uau! Eu adorei esta novidade!!! Estava tão por fora de tudo e agora que estou voltando, ler de sua gravidez foi uma das coisas me deixou mais feliz! Fiquei feliz por vcs, pela Laura...

    Agora, quanto ao post mesmo, amiga, que coisa hein?! Aqui em casa tb não tivemos problemas com os 2 anos do Lucas, mas lembro que tudo veio com os 3!!! Então, boa sorte :)

    Mil beijos pra vcs todos!
    Ju

    ResponderExcluir
  18. Aqui passamos pelo terrible two, horrible three e agora o fucking four, olha só q legal! Só q ñ...
    Já me conformei, passa uma fase, vem a calmaria, dali a pouco vem outra, pior!

    ResponderExcluir
  19. Dani não conhecia seu blog, adorei, vou lhe acompanhar.

    Lendo seu relato parece que você estava falando das minhas trigêmeas

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Ahhh Dani, a Laura é bravinha!

    Esse negócio de tocar o terror rola sim, e depois a consciência pesa, ai, mas acho que toda mãe faz ou já fez em algum momento, hehe.

    Antes de ser mãe eu até achava estranho ver uma criança de galocha num dia quente daqueles, hoje nem ligo, hahaha, acho que vale deixar ela escolher algumas vezes, rs.

    Oremos pra que essa fase passe logo!

    Beijoca!

    Ah, outra coisa, tem hora que é melhor ficar mais meia hora mesmo do que aguentar a birra e depois voltar atrás.

    ResponderExcluir
  21. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    ESTOU ME VENDOOOOOO....SE PREPARE PROS CINCO ANOS...OPIETRO NUNCA ME DEU TRABALHO ATÉ O THEO NASCER...APROVETEPRIMA OSULTIMOS MESES DE PAZ.....KKKKKKKKKK....brincadeirinha,aí será diferente......ou não...bjs..

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para viajar no comentário! =)
Ele será respondido por aqui mesmo, ok?

Beijas!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 


up