04 outubro 2012

/

Sobre a cirurgia

24 comentários:

  1. Dani, querida, me solidarizo. Passei por algo parecido, vou te contar minha história:
    Stella quebrou o braço. Tinha 2 anos e 1 mês. Eu estava grávida de 31 semanas. Foram preciso duas cirurgias: uma para colocar os fios de cobre e outra para retirá-los. Entre as duas, cinco semanas de gesso.
    Foi o momento mais duro da minha vida de mãe entregar minha pequena, que eu tinha colocado no mundo perfeita e intacta, na porta do centro cirurgico. Minha porcelana tinha quebrado. Deu vontade de não deixar a outra, que estava na barriga, nascer. Só pra continuar protegidinha. Foi difícil, mas passou. Chorei litros, mas acabou. Foi tudo isso que você escreveu aí em cima: é melhor para ela (no nosso caso, era a única opção), elas ficam bem e se recuperam muito mais rápido do que a gente imagina. Mas, ufa, é foda.
    Continue pensando positivo, respira fundo e, se precisar, dá uma choradinha no chuveiro. Dê tempo ao tempo.
    Ah, e sinta-se abraçada! Vai dar tudo certo!

    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  2. Dani.....sei bem esse sentimento a razão mostrando que realmente é necessário e um coração pequeno e preocupado..,,,vai dar tudo certo....essa tempestade passará e virão dias melhores com certeza....sem apneias e sem dificuldades para a pequena. E vamos velhinhas olhar para trás e lembrar dessas historias juntas......bjus querida e qq coisa me da um berro q saio correndo.....

    ResponderExcluir
  3. Te abraço, Dani! Ela vai ficar ótima, ainda mais fofa e alegre por respirar melhor (e descansar melhor), mas super entendo sua apreensão... Então, te abraço de novo e mando as melhores vibrações do mundo pra Laura!

    ResponderExcluir
  4. Um abraço serve, virtual infelizmente. Pode contar comigo, caso precise de qualquer coisa. Continuar pensando positivo também é muito importante, até mesmo pra passar segurança e explicar pra Laura o que vai acontecer. Força que tudo vai dar certo! bjocas

    ResponderExcluir
  5. Dani, estou com vc. Com certeza seu coração fica apertado, nenhuma mãe quer ver filho passar por procedimento cirúrgico, por mais simples que seja. Somos zelosas, medrosas, leoas. Pense sempre no positivo, nas vantagens e nas melhoras que Laura terá. Vai dar tudo certo SIM, continue repetindo como um mantra!
    Estou contigo tá?! Forças!
    bjo grande

    ResponderExcluir
  6. Dani, minha filha (tamo junta sempre).
    Vc acha mesmo que eu deixaria a Lalá ir pra Escola assim? Jamais! Vamos conciliando as coisas e no fim dá tudo certo! Hoje, quando soube da real necessidade e da proximidade da cirurgia da Laura, meu coração gritou. Chorei, chorei mesmo, só não deixei que a Laura percebesse. Naquele momento, tive a prova de que o amor que se sente pelos netos é o mesmo que se sente pelos filhos. Mas, como vc disse, eu também me sinto aliviada em pensar que o ar que a Laura necessita vai ter o caminho livre e o sono tranquilo. Sem precisar colocar dois travesseiros, né? Ninguém merece. Outra coisa: o cordão umbilical é de uma elasticidade infinita. Onde quer que os filhos estejam, o cordão cordão os alcança. E, no dia da cirurgia, tenha a certeza de que eu estarei do seu lado firme e forte(???). Vamo que vamo!!! bjs te amoooo

    ResponderExcluir
  7. Oi
    Leio sempre o blog, mas nunca comento, não sou mãe portanto não posso muito dar opnioes,mas desse assunto eu posso falar. Fiz essa cirurgia aos 4 anos, correu Super bem e hoje não me lembro de nada, durmo Super bem, não tenho problemas para dormir, somente alergia que tenho. Minha tia fez a mesma cirurgia ah 3 meses e por ser adulta demorou 15 dias para a recuperação minha mãe conta que eu aos 4 anos no outro dia nem parecia que havia passado por cirurgia. Crianças recuperam Super rápido e a cirurgia é simples. Laura estará ótima rapidinho brincando e dormindo melhor, desenvolvendo melhor, respirando melhor. Com certeza Vale muito a pena.

    ResponderExcluir
  8. Oi Dani! Acho que se eu tivesse no seu lugar sentiria a mesma coisa que você! Hospital não é lugar de criança correto? Ja levei a Sofia algumas vezes qdo ela estava doentinha e aqui a pratica é fazer exame de sangue para verific se é necessaria a administração de antibioticos ou não (nunca foi). So de ter que segura-la para que enfiassem uma agulha na mãozinha dela meu coração ja se apertava e a mãe de coraçao encolhido ainda tem que segurar as pontas e passar aquela segurança toda pra cria não se desesperar com a situaçao - e tudo isso é bem dificil, mesmo que a gente saiba la no fundo que não é nada grave. Imagina so uma cirurgia... por mais simples que seja (e é, muito!) totalmente normal o coração de mãe se encolher, né? Acho que não é so o teu que é assim, acho que muitas mães sofrem dessa mesma condição! Fico na torcida para tudo correr bem tranquilamente tanto pra vc qto pra Laura! :0)bjs!

    ResponderExcluir
  9. O Dani querida que bom que encontraram um médica boa e que passe confiança para vcs! Tenho ctz que isso tudo vai acabar logo e com tudo certo... e a Laura ainda melhor ;}

    beijãoo

    ResponderExcluir
  10. Ai, Dani, receba meu abraço... Fiquei com o coração apertado junto com você.
    Há coisa de 2 ou 3 semanas a filha de uma amiga fez essa mesma cirurgia (ela tem 3 anos) e no dia seguinte tava pulando no sofá e pedindo pra comer macarrão.
    Vou rezar pra dar tudo certo e pra Laura se recuperar bem e rápido.
    Beijo querida!

    ResponderExcluir
  11. Oie Dani, sou enfermeira e vejo diariamente este tipo de cirurgia, fique calma e tranquila realmente é um procedimento simples, peça a otorrino para indicar um bom anestesista, pois ele é quem irá intubar e cuidar da sedação que é o mais perigoso, veja um profissional bem gabaritado e que tenha experiencia com crianças. Não deixe que seja qualquer um...estarei aqui rezando pela rapida recuperação da Laura..bjsss

    ResponderExcluir
  12. Olá querida. Acabo de conhecer seu blogue através de um comentário que li no Rafaelando. É muito lindo ver o apego e dedicação materna que você tem. Também me uno ao time para torcer que tudo dê certo com a pequena Laura. As crianças são bençãos em nossas vidas. Estou seguindo teu blogue, se puder faça uma visitinha ao meu, se gostar me siga também. Beijinhos e um lindo fim de semana.

    http://universodeumcloset.blogspot.com
    Facebook

    ResponderExcluir
  13. Dani querida amiga. Estamos aqui para apoiar. Sei bem o que seu coração sente, mas com esse pensamento positivo tudo já deu certo. Sempre fazemos o que achamos ser melhor para os nossos tesouros, né? Então se é melhor deve ser feito e se é para o bem já deu certo.
    Qualquer coisa grita, manda sinal de fumaça que estamos aqui.
    Jesus estará olhando pela minha filha postiça, Linda Laura!!!

    Beijocas no coração
    Carol

    ResponderExcluir
  14. Dani, o plano liberou a cirurgia do Edu hoje, liguei pra marcar e eles disseram que tem amanhã, tipo amanha!! Ou se não vai demorar mais de um mês, e tenho medo dele ter outra infecção nesse meio tempo!
    Estou como você, sei que é o melhor mas com o coração apertado!
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Dani querida, estou torcendo muito por voces. Nao deve ser facil mesmo, amiga, eu nao tenho ideia do que vc está sentindo... Só quem passa por isso sabe o aperto no coracao, ne? mas tenho certeza que vai dar tudo certo. Confia na equipe. E depois, certamente a Laura vai se sentir bem melhor! Confie que vc estão fazendo o que tem que ser feito, que é o melhor pra ela. Nem sempre dá pra evitar coisas assim, né?

    Beijos, queria. Sinta-se abraçada. Estarei com o pensamento em vcs assim que decidam quando será a cirurgia!

    Lu


    Ps: desculpa que nao tenho aparecido muito, mas to acompanhando... Rafa ta viajando, hoje é seu quinto dia longe. Estamos sobrevivendo!!!! :D

    ResponderExcluir
  16. Dani sempre leio seu blog e me identifico mto, pq meu bebe tem a mesma idade da Laura. Fico feliz q vcs encontraram uma medica excelente e torço mto pra q dê tudo certo com a cirurgia. Confie em Deus, pois ele sabe o q faz e com certeza vai dar tudo certo e logo a Laura vai estar bem, feliz e saltitante pela casa rsrs. Sinta-se abraçada por mim tb, apesar de nao te conhecer tao bem, gosto mto de vc. Mil bjos pra Laurinha e pra vc tb viu. Força, querida!!

    ResponderExcluir
  17. Dani, querida amiga...
    Dias melhores virão mesmo! Pense nisso!!! Veja só quantas coisas boas, felizes você escreveu que acontecerão após a cirurgia. Fique com isso na cabeça, por mais duro e preocupante que seja esse momento. Dará tudo certo!
    De maneira alguma queremos que isso aconteça, que nossos filhos tenham que entrar, permanecer no hospital. No entanto, será para o bem dela. Confie na equipe médica, confie que é o melhor, que ficará bem logo, logo.
    Sinta-se abraçada e conte comigo! Logo estarei pertinho de você e poderei te dar um abraço apertado. Já pensou nisso? Oba! Será tão bom!
    Me passa seus contatos via mensagem no face que assim que chegar ligo para vc. Pode ser?
    Beijos, beijos

    ResponderExcluir
  18. Dani querida, imagino como está seu coração. Todos podem falar que é simples, que é uma cirurgia rápida, que vai ficar tudo bem, mas ninguém está no seu lugar pra saber realmente o que se passa.
    Só posso te dizer que estou aqui torcendo e mais que isso, rezando. Vou rezar pela Laura e por vocês, pra Deus acalmar o coração de vocês.
    Pense sempre que é para o bem dela e que tudo vai correr bem (como tu já está fazendo).
    Beijos de quem está na torcida e na reza por vocês.

    ResponderExcluir
  19. Dani, este momento com certeza deve estar sendo super difícil pra você, mas sinta-se abraçada por todas nós mulheres leitoras do seu blog, vamos orar para que tudo ocorra bem. abraçãoooo!!

    ResponderExcluir
  20. Dani sei bem o que está sentido, passei por isso com a Isa e me apegava a todos que falavam como a saúde de seus filhos mudaram para melhor depois da cirurgia, do jeito que falavam parecia um passe de mágica e acredite amiga, é sim! Com a Isa foi assim, ela vivia doentinha, uma semana no remédio, na outra ficava doente e assim ia... Hoje ela não teve mais nenhuma gripe forte.
    Lembro da minha vontade de chorar quando vi ela com aquela camisolinha e toquinha entrando sozinha (sem eu) para a cirurgia, mas coloquei meu lado racional para funcionar e aguardei lindamente ela volta, rs.
    Boa sorte
    Bjus

    Rafa
    Rafaelando.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Dani, passei aqui pra deixar um beijo e desejar toda a sorte do mundo nessa hora, força pra todos vocês.
    Vai dar tudo certo e daqui a pouco terão uma menininha bem mais tranquila e saudável!

    Beijão

    ResponderExcluir
  22. ooo Dani muita força!
    nossa nem imagino como você deve está se sentido, só sei que o coração aqui apertou também. Porque quando é uma gripezinha ou uma febrinha de nada a gente já fica arrasada...
    Mais você já escolheu um bom médico, e melhor que a vó da Laura pra cuidar dela nessa recuperação com certeza não terá, por que vó é vó!!

    mais um pouquinho de força!!

    beijo grande

    ResponderExcluir
  23. Dani, querida...olha eu operei adenoide e coloquei um tubo no ouvido bem pequenininha mesmo, minha mãe disse que foi super difícil, mas que eu tinha dores de ouvido absurdas e infeccões direto e não respirava bem, não dormia bem e que foi a melhor coisas que aconteceu para mim, essa cirurgia, tudo melhorou e nunca mais tive nada...resumindo: amiga, por mais difícil que seja, pense o quanto isso fará bem a filhota!!Tudo vai ficar bem!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Dani, tudo vai dar certo! O nosso coração fica apertadinho e imagino (ou não) como esta se sentindo, mas vai resolver um problema a qualidade do sono da Laura vai melhorar e ela vai te agradecer mais tarde! Fique bem !!! E estamos aqui rezando pela rápida recuperação da pequena depois da cirurgia! Bjo enorme

    ResponderExcluir

Sinta-se a vontade para viajar no comentário! =)
Ele será respondido por aqui mesmo, ok?

Beijas!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 


up